Movimento Sertanejo
Movimento Sertanejo > Lançamentos > Mister Jump – Destinos

Mister Jump – Destinos

Mister Jump (Mr Jump) lança seu primeiro álbum Nacional, e divulga seu primeiro single - Destinos.

Por em 04 de Março de 2018

Mister Jump – Destinos

No seu clipe de estreia, a banda mato-grossense aposta no romantismo em uma história emocionante, um drama de dor e perseverança através do amor de uma família comum como tantas outras.

O Lançamento

Dói dizer adeus, mas nada apaga as alegrias dos caminhos percorridos...

A banda MISTER JUMP (MR JUMP) se apresenta para o Brasil neste dia 04 de março de 2018 com o clipe da música que é titulo de seu primeiro álbum intitulado DESTINOS através de seu canal oficial na plataforma YouTube. A história romântica retratada no clipe é um recorte da história de muitas famílias nos dias de hoje, em que a fatalidade da perda é, além da causa de sofrimento, um campo onde a esperança se exalta e fixa em nossas memórias as lembranças que nos movem a seguir em frente, ainda entrelaçados pelos bons momentos com aqueles que amamos e que não mais estão conosco fisicamente, trazendo ao expectador, através de uma frase marcante que compõe um momento forte do clipe, a reflexão – “Dói dizer adeus, mas nada apaga as alegrias dos caminhos percorridos…”

Título: Destinos

Artista: Mister Jump

Composição: Rodrigo Scarton

Letra

Como dizer adeus
Seria fácil e sem graça só falar
Apenas abraçar, virar as costas e partir
Ambos os corações
Como se afastar
Quando o que manda está tão longe da razão
Imaginar que os sonhos, planos todos foram em vão
Pra que se quer saber, se nada vai mudar
Enquanto os destinos se afastam
As fotos ganham mais valor
O jeito agora é esperar
Que o tempo acalme tanta dor
Toda a dor…
Como dizer adeus
E abraçar a solidão da nova vida
Esquecer tudo e buscar uma saída
Pra tentar se animar
Deixar tudo pra trás
Sair no mundo procurando o melhor
Como os pássaros que migram para o Sol
Voando ao natural
Enquanto os destinos se afastam
As fotos ganham mais valor
O jeito agora é esperar
Que o tempo acalme tanta dor
Toda a dor…
Todo dia a gente destrói aquilo que ama
Em campo aberto ou em uma emboscada
Com a leveza do carinho, com a dureza da palavra
Os covardes com um beijo, os valentes com a espada
Como dizer adeus
Como dizer adeus…
Como dizer adeus…
Como dizer adeus…
Me diz…

O Álbum

Além do single Destinos que embala a história do clipe, a Mister Jump (Mr Jump) traz em seu primeiro EP, mais quatro faixas autorais que revelam além das influencias marcantes da poesia de artistas como Cazuza, Renato Russo e até mesmo o eterno Raul Seixas, a versatilidade em escolher um Rock que busca ser uma ponte entre os públicos dos mais diversos estilos, apostando em uma proximidade com o pop; assim como o Sertanejo atual faz uso desse estilo, e até mesmo das guitarras, riffs e batidas do Rock, além do próprio visual dos artistas inspirados em estrelas internacionais, com cabelos arrepiados, camisas de flanela, calças de couro e barbas compridas, bem diferentes de suas raízes na música sertaneja caipira, mas que reflete a evolução musical e do próprio estilo.

A Mister Jump faz o mesmo percurso trazendo as mesmas características dessa mistura e se aproximando do Pop e do Sertanejo Universitário através de um Rock romântico e inspirado em história reais; vivências dos integrantes e de tantas pessoas que vivem e lutam em busca de seus sonhos.

Na sequência da faixa título Destinos, o álbum traz a música “Louco” essencialmente rockeira e energética (que estará no próximo vídeo clipe da banda), com influências no Hard Rock de bandas como AC/DC e Rolling Stones que se apoia em um Riff marcante e em um refrão simples e objetivo, que busca entusiasmar e contagiar.

A terceira faixa do álbum “Pedras e Rosas”, remete ao romantismo em sua sonoridade, mas que propõe uma reflexão sobre as escolhas que fazemos em nossas vidas e sobre as lutas que traçamos para conquistar nossos objetivos, evocando um ar motivacional e realista quando propor que devemos “…amar as pedras e rosas que a vida trará…”.

A faixa “Du\ka”, traz uma mensagem que inspira-se em um princípio do budismo conhecido como a Primeira Grande Verdade, que o compõe dizendo que nosso sofrimento vem do nosso apego por estados transitórios de nossa própria existência (Dukkha – “…É uma constatação da angústia humana, que é tomada como base para depois desenvolver o caminho para o fim deste sofrimento.”). A quinta faixa “Keep me in your heart”, apresenta-se remetendo à versatilidade da banda com influências do Rock Inglês, com uma letra que varia entre momentos apimentados e outros de aflição e uma levada de bateria bem quebrada e original para o desfecho do refrão com o apelo cantando em inglês que traduz “mantenha-me em seu coração”. O trabalho é finalizado com a reprise da faixa título em sua versão Piano.

O trabalho da banda poderá ser encontrado a partir deste domingo dia 04/03/2018 em todas as plataformas digitais incluindo Spotify, AppleMusic, iTunesStore, GooglePlay, Deezer, AmazonMp3, ClaroMusica, Shazam, dentre outros, além é claro do YouTube e que em algumas semanas poderá ser ouvida em todas as rádios do brasil.

®Movimento Sertanejo | Todos os direitos reservados.

Direção: Alexandre Pavon