Busque em nosso site

Aguarde, carregando resultados ...

Sobre o Sertanejo Universitário

Conheça um pouco da história do Sertanejo Universitário na minha visão, Alexandre Pavon.

Sobre o Sertanejo Universitário

O que é Sertanejo Universitário?

Sertanejo Universitário na verdade, não é um novo estilo musical, e sim uma variação do Sertanejo tradicional, que usa basicamente uma batida mais acelerada semelhante ao arrocha (muitas vezes se fundindo a este estilo), duetos ou misturas de letras e batidas do Funk, e quase sempre acompanhados de instrumentos mais clássicos do Sertanejo como a viola caipira e acordéon(gaita).

Temática

Existe uma linha tênue que separa o Sertanejo Universitário de outros estilos como o pagode, funk e o eletro. Basicamente as roupas e os instrumentos musicais (viola e sanfona) são o diferencial, e claro, a herança do Sertanejo raiz e romântico. Eu citei os outros estilos musicais, pois ficou muito comum nas musicas de sucesso do Sertanejo Universitário, a participação e até co-autoria de pagodeiros, funkeiros e outros .

Enquanto o sertanejo tradicional fala de amor/paixão e de experiências no campo, a grande maioria das músicas universitárias falam de pegação, balada, cachaça, e principalmente, de “modinhas”. Aliás, essa é uma das características do universitário. Muitas das músicas de grande repercussão são feitas de piadas, paródias ou fazem alusão a alguma modinha temporária, geralmente algum MEME da internet ou televisão.

Origem

Como bom sul-mato-grossense, me encho de orgulho em dizer que este estilo que dominou o Brasil teve suas origens mais remotas por aqui, lá pelo ano de 1997, quando os grandes bailes lotavam os salões em Campo Grande e nas cidades do interior do estado. Nesta ocasião, duplas como João Haroldo e Betinho, Marco Aurélio e Paulo Sérgio, Patrícia e Adriana, Brenno Reis e Marco Viola, começaram a tomar espaço nos palcos e ganhar o gosto do público baileiro.

Mas foi somente a partir de 1999 que o Sertanejo Universitário começou a figurar como estilo forte e ser reconhecido, graças a João Bosco e Vinícius, que na época faziam faculdade – João(Odonto) e Vinicius(Fisioterapia) – e começaram a se apresentar juntos nos bares frequentados por universitários (Daí o nome).

Muitos podem discordar de mim, por achar que o início de tudo foi com César Menotti e Fabiano (concordo em partes), porém, João Bosco e Vinícius emplacaram o sertanejo universitário com seu primeiro CD lançado em 2002, chamado “Acústico no Bar”, enquanto “os Menotti” lançaram seu primeiro disco somente em 2004. Porém, foram os irmãos gordinhos que deram início ao movimento Nacional do Sertanejo universitário, quando foram contratados pela Universal Music e lançaram o CD e DVD “Palavras de Amor”. Pegando carona nesse Boom, um ano depois João Bosco e Vinícius explodiram em Nível Nacional com o sucesso “Quero Provar que te Amo” do CD e DVD “Ao Vivo” de 2005.

Desde então, já considerada integrante da MPB, a música sertaneja alterna as paradas de sucesso entre integrantes da velha e da jovem guarda, e mesclando sucessos entre si.

 

Bom, aqui está um pouco da história do Sertanejo Universitário no meu ponto de vista.
No site, temos muitos lançamentos de artistas que representam os vários estilos da música sertaneja.

 
 
Deixe um Comentário